Grupo Recuperando Vida

Quanto tempo dura um Tratamento de um Dependente Químico

Quanto tempo dura um Tratamento de um Dependente Químico a dependência química é uma doença provocada pelo uso constante de substâncias psicoativas, como o álcool e outras drogas. E por ser uma doença, exige tratamento interdisciplinar feito em uma clínica especializada e envolvendo diversas etapas, como desintoxicação do organismo, terapia individual e em grupo, acompanhamento nutricional e outras. A dúvida que muita gente tem, especialmente quem conhece uma pessoa dependente, é: quanto tempo dura o tratamento?

Dependência química: uma doença crônica

É muito relativo falar sobre o tempo de tratamento, principalmente levando em consideração que a dependência pode ser comparada com uma doença crônica, como a diabetes, por exemplo. Isso significa que, uma vez dependente, o indivíduo nunca pode se considerar completamente curado, mesmo depois de sair da clínica, ele precisa manter um estado de alerta constante para não voltar a ingerir drogas.

Ou seja, a dependência pode ser controlada e quando a pessoa consegue se manter longe das substâncias psicoativas, os sintomas relacionados a ela também praticamente desaparecem. Mesmo assim, qualquer descuido pode resultar em uma recaída. Inclusive, por isso mesmo o apoio da família é sempre tão importante, para ajudar nesse estado de “vigilância”.

Tempo de Tratamento de um Dependente Químico

O que podemos falar é sobre o tempo de tratamento na clínica, mas a verdade é que isso também varia de acordo com uma série de fatores. Por exemplo: qual é o tipo de droga do qual o paciente é dependente, há quanto tempo ele faz uso da substância, se já chegou a fazer algum tratamento ou não, os motivos pelos quais ele adquiriu o vício, a existência (ou não) de uma rede de apoio e diversas outras questões.

A soma da desintoxicação do organismo, com todo o restante do tratamento, pode durar de 30 dias a um ano, em média. O mais comum é que fique em torno de 90 dias, período no qual o paciente permanece internado. Geralmente, a maior dificuldade é tratar os aspectos psicológicos, para que o indivíduo consiga lidar da forma mais tranquila possível com os sintomas da abstinência e para não voltar a usar drogas após o tratamento.

Divisão em etapas

Dependente Químico

O processo de tratamento é composto por etapas. Primeiramente, o dependente é acolhido na clínica e passa por avaliação clínica e psicológica, onde serão analisadas todas aquelas questões que determinam o tempo de tratamento. Nessa fase inicial também é feita a conscientização sobre a importância de estar ali.

Em seguida, tem início a abstinência e a desintoxicação, momento em que o indivíduo deixa de completamente de ingerir qualquer droga. Essa é uma das fases mais difíceis, porque os sintomas da abstinência se manifestam física e psicologicamente.

Depois disso vem o acompanhamento psicoterapêutico e nutricional, as atividades físicas, labora terapia (que tem a função de reduzir o tempo ocioso), até chegar a pós-internação, quando a família é orientada sobre os cuidados que deve ter em casa com o paciente.

O mais importante é saber que o tratamento para dependentes químicos é totalmente individualizado, levando em consideração as particularidades de cada paciente, para que possa ser bem-sucedido.

Por isso, o Grupo Recuperando Vida se tornou referência no trato da dependência de substâncias psicoativas em todo o Brasil, sobretudo, para dependentes químicos

CONHEÇA NOSSO TRABALHO. AGENDE UMA VISITA!

CONHEÇA NOSSOS PROFISSIONAIS, CONVERSE TODOS E TIRE QUAISQUER DÚVIDAS A RESPEITO DO TRATAMENTO!

                                            SEJA BEM VINDO OU SEJA BEM VINDA AO GRUPO RECUPERANDO VIDA

 

 

Open chat
Como posso ajudar
Olá, seja bem vindo ao Grupo Recuperando Vida estamos aqui para tirar todas as suas duvidas nosso atendimento 24 horas