Qual é a droga mais perigosa que existe?

Qual é a droga mais perigosa que existe?

Dependência química é um problema psicossocial bastante comum em nossa sociedade atualmente. A perspectiva com a qual encaramos esse problema de saúde pública mudou significativamente, nos últimos 30 anos. O dependente deixou de ser visto sob um viés estritamente negativo e passou a ser entendido como alguém doente que necessita de ajuda médica e cuidados.

Ainda que nosso conhecimento sobre esse assunto tenha crescido substancialmente, alguns pontos da discussão sobre dependência química permanecem pouco falados. Um desses pontos é o debate aberto e franco sobre drogas, como elas funcionam e o porquê de serem tão perigosas. Elaboramos uma lista com as 3 drogas mais perigosas, com o objetivo de alertar sem preconceitos para o problema.

1) Álcool: não se surpreenda, ao ver o álcool no topo da lista. Primeiro, ele é uma droga superpoderosa e, segundo, ele pode ser comprado por quase qualquer um, na prateleira de qualquer supermercado e você não precisa de mais de R$10 para isso.

A bebida atua sobre o sistema nervoso central e é uma droga sedativa. Ao deprimir o SNC, o álcool promove relaxamento e euforia. Por isso, ele está sempre associado a contextos festivos, o que aumenta ainda mais o seu grau de periculosidade. Como associamos a bebida a celebrações temos dificuldades de enxergar o limite entre festa e vício. Isso é tão verdadeiro que a expressão “beber socialmente” é comum em nosso dia a dia.

Fique atento ao consumo de álcool. Quem bebe todos os dias, mesmo que cumpra suas obrigações diárias, já pode estar dependente ou desenvolvendo dependência.

O que caracteriza a dependência é o vínculo, quase afetivo, que o usuário desenvolve com a substância.

2) Crack: esse subproduto da cocaína tem se transformado numa verdadeira epidemia. Por ser barato e facilmente encontrado, o crack, ou pedra, é uma droga que estimula o organismo a produzir dopamina. Esse neurotransmissor é responsável pela sensação de prazer, o que gera um círculo vicioso poderosíssimo. O dependente fuma e se sente recompensado, o efeito é rápido, dura em média 10minutos e, imediatamente, ele precisa de uma segunda vez.

Como o crack é fumado e, consequentemente, inalado ele chega rapidamente ao cérebro, alterando seu funcionamento e condicionando o organismo. Isso gera um comportamento repetitivo porque o cérebro do dependente fica acostumado com a substância e, naturalmente, pede por mais. É importante entender a dependência do ponto de vista biológico. O organismo está agindo de maneira totalmente normal, simplesmente, respondendo aos estímulos que lhe foram dados. Por isso, o tratamento é tão importante porque ele pode quebrar esse círculo vicioso e reprogramar o cérebro para descobrir outras fontes de prazer.

3) Cocaína: essa droga atua sobre o sistema nervoso periférico inibindo a absorção de norepinefrina.  Esse neurotransmissor é responsável pela alimentação, sono e humor. Sob efeito de cocaína, o organismo é excitado e responde com agitação, euforia e sensação de poder. Quando os efeitos da cocaína diminuem, o indivíduo experimenta depressão e desejo por mais droga, a fissura.

Paranoia é uma das consequências sentidas por usuários de cocaína, mesmo quando não estão sob efeito do entorpecente. A medida em que o organismo se acostuma a certa quantidade de droga, o usuário recorre a quantidades cada vez maiores para conseguir alcançar o mesmo barato. Dessa forma, o vínculo se estabelece e a dependência se instala.

Nossa lista tinha o objetivo de alertar para os problemas, que o consumo dessas substâncias podem trazer. A droga mais perigosa é aquela que te impede de encarar a vida, de enfrentar problemas e também aproveitar as partes boas. Se você tem problemas com drogas ou conhece alguém com dependência química procure ajuda. É possível se libertar!

VEJA TAMBÉM:

 

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de drogas. Entre em contato com a Instituição Grupo Recuperando Vida para conversarmos mais. Entre em Contatos: (19) 3427-1643

900 votes, average: 4,90 out of 5900 votes, average: 4,90 out of 5900 votes, average: 4,90 out of 5900 votes, average: 4,90 out of 5900 votes, average: 4,90 out of 5 (900 votes, average: 4,90 de 5)
You need to be a registered member to rate this.
Loading...