Como podemos ajudar um drogado?

Como podemos ajudar um drogado?

Como podemos ajudar um drogado?  Confira!

As pessoas cometem muitos equívocos ao tentarem ajudar um usuário de drogas, que muitas das vezes, podem leva-los a situações ainda piores.

Contudo, é necessário entender que para um usuário de drogas deixar o vício é algo muito complexo, e que será um processo lento e demorado, uma vez que deixar o vício não é uma tarefa fácil, e poderá envolver assistências médicas, entre outros recursos.

No entanto, se você quer ajudar um drogado a se recuperar, existem diversas ações corretas que poderão lhe ajudar a fazer isso. Confira a seguir.

1 – Dê apoio e compreensão

Encher a pessoa de julgamentos, ou apenas dizer “você tem que parar de usar drogas” é uma maneira visivelmente ineficiente para ajudar um dependente químico a se recuperar.

Contudo, demonstre empatia pela pessoa, mostre que você está ali, seja companheiro e amigo, tente compreender pelo o que ele está passando para só então tentar ajudar. Ser um bom ouvinte nessa hora é bem importante.

Este é apenas o primeiro passo para ajudar um drogado, no entanto, não é menos importante.

2 – Saiba se a pessoa quer ser ajudada por você

Lembre-se que todos nós temos o direito de recusar ou aceitar uma ajuda, e não respeitar isso pode fazer de você uma pessoa chata aos olhos do usuário. Entretanto, não se desespere.

Diga a pessoa que você está preocupado em relação a ela, e que quer poder ajudar.

Mesmo que no início a pessoa não te dê ouvidos, ou ache que não precisa de ajuda, não desista, essa será a oportunidade de poder demonstrar que realmente se importa e que quer ajuda-la.

3 – Entrando em ação

Busque definir qual é o nível de dependência química que a pessoa possui para depois procurar entrar em ação.

Para entrar em ação, você pode começar fazendo perguntas sobre o que a pessoa já fez para parar o vício, se ela já pensou em como isso poderá ocasionar problemas em seu futuro. E quem sabe, se ela tem alguma pretensão em buscar ajuda médica, ou algo assim.

Entretanto, elabore limites e estabeleça horários para que a pessoa possa melhorar conforme o tempo, uma vez que ela já tenha aceitado a sua ajuda.

4 – Procure ajuda

Não tente fazer tudo sozinho. Se a pessoa possui um grau elevado de dependência química, o ideal é leva-lo a reabilitação que é específica para dependentes químicos, onde a pessoa terá um tratamento adequado para o problema dela.

Caso o mesmo não aceite, tente convencê-lo a ir visando todos os lados positivos que isso trará a vida dela.

VEJA TAMBÉM:

 

Somos especializados no encaminhamento e tratamento de usuários de drogas. Entre em contato com a Instituição Grupo Recuperando Vida para conversarmos mais. Entre em Contatos: (19) 3427-1643

 

[ratings]